Livraria das Histórias

Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

quinta-feira, 4 de maio de 2017
Sinopse: 
Sofia é uma jovem de 24 anos que vive numa grande cidade e está habituada à sua vida independente e moderna. Divertida, mas solitária, Sofia não acredita no amor, convencida de que os únicos romances da sua vida são aqueles que os livros lhe proporcionam. 
Porém, após comprar um telemóvel novo, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século XIX, sem saber como ou se poderá voltar para sua casa, para o «seu» século. Enquanto tenta encontrar uma solução, é acolhida pela família Clarke, à qual, à medida que os dias passam, se afeiçoa cada vez mais. 
Com a ajuda do prestável - e lindo - Ian Clarke, Sofia embarca numa busca frenética e acaba por encontrar pistas que talvez a ajudem a regressar à sua vida.
O que ela não sabe é que o seu coração tem outros planos, e que a ideia de deixar o século XIX pode vir a tornar-se angustiante...

Esqueçam os convites para Hogwarts, neste momento esta vossa leitora dava tudo para viajar no tempo! Na minha vida pessoal não sou do género dado ao romance mas, se pudesse recuar uns séculos, creio que facilmente me perderia nos braços de um cavalheiro em jeito de príncipe encantado. 
É este mesmo convite que nos faz a divertida e criativa Carina Rissi, com uma protagonista que foge a todo o custo aos dilemas do coração e que se vê, como por magia, transportada para o século XIX. Desta feita, peripécias e emoções fortes preenchem um cenário bucólico que equilibra, agradavelmente, realidade e ficção, fazendo com que se incorpore facilmente o papel dos intervenientes. Gostei muito. 

Sofia é a típica jovem contemporânea, stressada e pressionada para evoluir na carreira, para provar a sua independência, e sem tempo para pensar nos assuntos do coração. Ela é verdadeiramente engraçada, sempre atrapalhada e com um sentido de humor a que é difícil resistir, principalmente porque é uma mulher ciente dos seus valores. Quer dizer, ela é assim nos dias de hoje!
Quando certo dia compra um telemóvel muito apelativo – objecto sem o qual já não sobrevivemos –, que a vendedora, excêntrica, sugere veemente e, através do mesmo, é transportada para o passado, Sofia sabe que nada será como antes. Afinal, o quadro edílico em que se encontra e todos os trejeitos estranhos daqueles que a rodeiam fazem-na sentir-se, no mínimo, alienada. Ainda assim, primeiro estranham-se e depois entranham-se e após começar a ver o mundo pelas suas perspectivas, difícil vai ser voltar para tudo aquilo que sempre lhe foi familiar mas que, agora, está longe de ver com os mesmos olhos. 

Quanto às restantes personagens deste enredo, Ian é o típico cavalheiro pelo qual qualquer donzela, independentemente da época, se sente irremediavelmente atraída. Ele é atencioso, amigo e extremamente gentil – existe algo de fantástico na gentileza, que infelizmente assiste muito pouco às pessoas nos dias de hoje. 
A irmã de Ian, Elisa, e a sua melhor amiga Teodora, juntamente com o resto do pessoal da casa e vizinhos são um verdadeiro bónus ao casal principal. Todos encaixaram perfeitamente no desenvolvimento do romance, dando consistência ao enredo e credibilidade quadro montado por Rissi

Além do romance de época a que as leitoras do género já estão habituadas e que nestas páginas encontrarão com qualidade e originalidade, algumas das mais-valias de Perdida são as pequenas problemáticas abordadas e que, na sua maioria, nos remetem para os dias de hoje. 
Por exemplo, quantos jovens nos dias de hoje não se encontram em trabalhos onde têm uma rentabilidade abaixo nas suas qualificações, sujeitos a um tratamento patronal desmotivador? Quantos de nós não se encontram dependentes de aparelhos electrónicos? Pior, quantas vezes não abdicámos de alimentar a nossa afectividade em prol de uma carreira profissional que, de todo, está longe de ser satisfatória? 

São as pequenas questões, juntamente com a leveza desta história de amor e a beleza da sua escrita que fazem desta obra uma fonte de entretenimento que me agradou e que sugiro sem restrições. Um fairy tale para graúdos que já tem continuação publicada em português pela Topseller, Encontrada, e que já conta com quatro títulos publicados no original. 

Próximo livro:

Título: Perdida
Autora: Carina Rissi
Género: Romance
Editora: Topseller

0 comentários :

Redes Sociais

*Passatempo*

*Passatempo*
Resultado!

Editorial Presença*

Editorial Presença*
Passatempo - Resultado em breve!

*Passatempo*

*Passatempo*
Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide