Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Sinopse:
A jornada de Mia Saunders, acompanhante por força das circunstâncias, continua neste segundo volume de A Rapariga do Calendário! Nos três meses que se seguem, Mia viaja para Boston, Oahu e Washington DC.
Em Abril, faz-se passar pela namorada do mulherengo Mason Murphy, um jogador de basebol profissional que precisa de melhorar a sua imagem, e acaba por descobrir que ele não é exactamente aquilo de que estava à espera.
Maio encontra Mia a incendiar o sangue de Tai Niko, modelo fotográfico e intérprete da dança do fogo samoano, enquanto participa numa campanha publicitária que tem como objectivo demonstrar que a beleza não é uma questão de tamanho.
Em Junho, a missão de Mia é servir de enfeite de braço a Warren Shipley, membro do grupo conhecido como Um por Cento. Enquanto finge ser uma caçadora de fortunas, descobre que Warren tem de facto um coração de ouro. Pena é que o atraente filho, Aaron, senador pela Califórnia, não seja em nada parecido com o pai.

Sinceramente? Adoro o conceito desta história, a sua estrutura refrescante que, mês após mês, nos oferece uma nova faceta do romance e da própria protagonista, enquanto Audrey Carlan nos vai encaminhando e construindo o puzzle final deste enredo que promete, até ao último momento, revelações fortes e emoções felizes. 

Aviso: a organização desta opinião é diferente do habitual e pode conter spoilers para quem não leu o volume antecedente

Após se ter apaixonado perdidamente e ter aprendido, interiorizado e experienciado que o amor, entre um homem e uma mulher ou mesmo entre o mesmo género, pode ter múltiplas formas, Mia continua a sua demanda para pagar a divida do pai, espancado e às portas da morte, ao pior agiota de Las Vegas. No entanto, o primeiro trimestre revelou-lhe que cada mês como acompanhante pode oferecer-lhe muito mais do que dinheiro e, entre o drama expectante, o interlúdio dos meses seguintes traz consigo novos laços e a promessa de felicidade, bem como os riscos do seu trabalho por vezes incompreendido.

Abril… 
Mason Murphy, um Don Juan em forma de jogador de basebol profissional invejável cujo futuro brilhante depende, em parte, da estabilidade que a imagem de um relacionamento firme lhe pode trazer, ou seja, o papel perfeito para a nossa protagonista. Infelizmente, a sua personalidade e comportamento arrogantes parecem dificultar a tarefa, isso e uma RP nitidamente apaixonada que promete dar um toque diferente às expectativas sensuais do mês.
Imprevisivelmente, e positivamente, este foi um mês marcado pelo divertimento, com situações caricatas e temas particularmente sensíveis e contemporâneos, que serviram para torna Mia numa figura conhecida e angariar, uma vez mais, amigos para a vida. O papel da fama, para o bem e para o mal, a família e a importância de correr riscos para encontrar a verdadeira felicidade marcaram-no de forma efectiva. 

Maio…
… parecia tão simples! Afinal, o papel de modelo fotográfico parece ser algo corriqueiro para desempenhar mas o Havai, logo no primeiro momento, mostrou-se grande e intenso, transformando-se no mês mais erótico até agora. 
Emoções à parte, pois Tai Niko é só sexo e amizade profunda, a paixão de Wes deixará saudosismo em muitas leitoras mas, não se preocupem, entre os valores de uma família samoana tradicional, paisagens deslumbrantes e e romper com os estereótipos da moda actual, o riso o prazer trazem leveza a esta aventura em que Mia pode, finalmente, aproveitar a sua profissão para mimar a sua querida irmã e a sua melhor amiga Gin

Junho…
… terminou forte, intenso nas emoções, o que me deixou desejosa de pegar no terceiro livro -  algo que fiz de imediato. Entre parecer uma caçadora de fortunas e lidar com o filho do seu cliente, um senador, este é possivelmente o mês mais duro da personagem principal que, entretanto, nos dá a ver a sociedade política, nos revela um amor improvável e supera alguns problemas de meses anteriores. Essencialmente, este mês mostra que nem sempre as pessoas são o que aparentam e que os amigos que tem vindo a fazer têm, definitivamente, um papel muito especial na vida de Mia, algo que acredito que se manterá até ao final. É tempo de pôr em perspectiva o que é realmente importante na vida desta jovem mulher.

Em suma, voltei a confirmar o quanto gosto da articulação desta série que, na minha opinião, deve ser encarada mês a mês por conseguir oferecer sempre algo de novo ao leitor. Divertido, sexy e ousado, com a dose certa de drama e conseguindo concentrar-se o suficiente em todos os intervenientes, para que nada seja deixado ao acaso, acho que este é, provavelmente, um dos meus eróticos de eleição – embora eu não possa, de todo, dizer-me fã do género. 

Sem dúvida, uma excelente aposta Planeta Manuscrito que estou ansiosa por descobrir até ao último capítulo. 

Da mesma série, no blogue:
A Rapariga do Calendário, Livro 1Opinião

Título: A Rapariga do Calendário, Livro 2
Autora: Audrey Carla
Género: Erótico


0 comentários :

Redes Sociais

*Planeta*

*Planeta*
Passatempo - Até 24/09!

*Editorial Presença*

*Editorial Presença*
Passatempo - Até 10/09!

*Editorial Presença*

*Editorial Presença*
Passatempo - Resultado!

*Marcador*

*Marcador*
Passatempo 2 - Resultado!

*Planeta Manuscrito*

*Planeta Manuscrito*
Passatempo 6 - Resultado!

*Penguin Random House*

*Penguin Random House*
Passatempo 7 - Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide