Livraria das Histórias

Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Sinopse:
Para esquecer um ex-namorado infiel, a especialista em finanças Sara Dillon muda-se para Nova Iorque, aproveitando uma oportunidade profissional para se afastar das desilusões recentes na sua vida amorosa. O facto de conhecer, numa discoteca, aquele homem irresistivelmente sexy não deveria ter passado de uma noite de diversão. Mas a forma – e a rapidez – com que ele acaba com todas as suas inibições faz com que se revele mais do que uma aventura ocasional: ele torna-se o seu Estranho Irresistível.

Já sabia o que esperar da escrita, o tipo de personagens que iria encontrar e a estrutura que o enredo me iria oferecer, mas confesso-vos que voltei a corar com estas autoras, uma dupla ousada que promete continuar a fazer subir perigosamente a temperatura entre páginas. 
Personalidades fortes, complexas e perdidas entre momentos de luxúria, são apenas um dos trunfos de Estranho Irresistível que, para lá das tórridas cenas de sexo, se preocupa em entreter o leitor com a sua intriga, enquanto expõe levemente questões pertinentes com uma boa dose de humor. 

Depois de Chloe e Bennett, é chegado o momento de conhecer a sofrida melhor amiga da anterior protagonista, uma jovem em fuga de tudo o que conhece e pronta para começar uma nova vida na mítica Nova Iorque. Longe de querer qualquer tipo de relacionamento, numa saída à noite Sara acaba por viver um momento verdadeiramente ardente com um estranho e, embora tenha adorado cada segundo, fica descansada sabendo que dali não irão advir complicações. Max, a figura pública preferida das revistas cor-de-rosa nova-iorquinas, está longe de sonhar com romances, mas tudo muda quando guarda as fotografias de uma desconhecida que lhe proporcionou um prazer inimaginável e na qual não consegue parar de pensar em cada momento do seu dia. 
Os desenvolvimentos são velozes e as sensações estão ao virar de cada capítulo, mesclando-se com as emoções e dando origem a algo impensável para este par, destruído de diferentes formas pelas muitas facetas do amor. 

Não sendo esta uma obra-prima da ficção, cumpre os requisitos de quem procura entretenimento dentro do género romance erótico e, a par da mesma, os seus intervenientes estão longe de ser extraordinários, mas são efectivos clichés com qualidade e trabalhados de modo a criar empatia imediata.
Da dupla protagonista, Sara é quem se revela mais problemática, vinda de uma ligação amorosa bastante complexa que é dada a conhecer durante a narrativa. No entanto, é agradável assistir à forma como se vai expondo ao leitor e abrindo para as novas possibilidades afectivas que vão surgindo, paralelas às suas qualidades profissionais. Já Max é muito mais maleável do que acreditei vir a ser numa primeira análise. Este macho alfa acaba por se revelar um verdadeiro Don Juan, para contentamento de todas as que anseiam pela doçura entre a paixão.

Apesar de o livro ser bastante centrado nas personagens principais, gostei de rever os intervenientes secundários, Chloe e Bennett, da importância que tiveram, bem como das novas personagens que surgiram e que acredito que virão a ter destaque num terceiro livro da série Beautiful Bastard, que conta até há data com 4 títulos publicados no original e 4 short stories.


Embora o enredo seja breve e indiscutivelmente centrado no erotismo, presente de forma constante, gostei particularmente da forma como o psicológico das personagens foi trabalho, das temáticas afectivas abordadas e da clareza e credibilidade com que tal foi feito.
Ainda relativamente ao cariz sexual da história, é importante afirmar que este é explícito de maneira bastante positiva, mostrando a sua influência no bem-estar do indivíduo, bem como os efeitos que o perigo e adrenalina podem ter neste acto de união.
Igualmente interessante, é a abordagem relativa aos media, à ilusão, deturpação, por estes criada e que pode destruir uma identidade, afectando drasticamente a sua vida pessoal – nada que o leitor não saiba, mas que ainda assim está bem construído.

Em suma, foi uma leitura breve e muito divertida, que me proporcionou o que eu esperava receber com qualidade, tal como havia acontecido anteriormente. Aliás, estes livros estão muito bem cotados dentro do seu género e é muito fácil perceber o porquê.
A escrita, em co-autoria de Christina Hobbs e Lauren Billings, é bastante descritiva mas nos momentos íntimos mas, sinceramente, é algo que funciona muito bem sem chocar, provavelmente pelos muitos diálogos deliciosos e toda a bagagem que oferecem aos intervenientes. Estão aprovadas!

Esta é uma aposta Marcador que certamente irá agradar a todas as fãs de livros que apimentam a ficção.

Da mesma série:
Cretino IrresistívelOpinião

Título: Estranho Irresistível
Autora: Christina Lauren
Género: Erótico
Editora: Marcador


0 comentários :

Redes Sociais

*Passatempo*

*Passatempo*
Até 7 de Maio!

Editorial Presença*

Editorial Presença*
Passatempo - Resultado em breve!

*Passatempo*

*Passatempo*
Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide