Livraria das Histórias

Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Sinopse:
Redenção não é uma palavra que Jim Heron conheça muito bem. A sua especialidade é a vingança e, para ele, o pecado é relativo. Mas tudo muda quando se torna um anjo caído e é incumbido da tarefa de salvar sete pessoas dos sete pecados mortais... e o fracasso não é permitido.
Mels Carmichael, jornalista do Caldwell Courier Journal, apanha o maior choque da sua vida quando um homem se atravessa à frente do seu carro junto ao cemitério local. Depois do acidente, a amnésia dele é o tipo de mistério que ela gosta de solucionar, mas em breve descobre que o passado é demasiado misterioso... e que está a apaixonar-se pelo estranho. Enquanto as sombras oscilam entre a realidade e o outro mundo, e a memória do seu amante começa a voltar, os dois aprendem que nada está realmente morto e enterrado. Em especial quando se está preso numa guerra entre anjos e demónios. Com a alma em jogo, e o coração de Mels em risco, o que irá ser preciso para salvar ambos?

Apostar em J. R. Ward para algumas horas de entretenimento é, para mim, sinal de satisfação garantida entre géneros que adoro, romance sensual e fantasia urbana – uma vez mais as expectativas foram superadas.
Violento, excitante e com uma boa dose de paixão, o quarto livro da série Anjos Caídos é o rastilho que faltava para tornar a luta entre o bem e o mal ainda mais intensa, graças a fortes momentos de tensão e reviravoltas que prenderão facilmente a atenção do leitor até à última página.

Os ingredientes de Êxtase são aqueles a que a autora já habitou os seus fãs mas o tempero desta narrativa está ainda mais audaz que nos volumes antecedentes, deixando inúmeras possibilidades em aberto e permitindo o julgamento de quem lê relativamente aos protagonistas permanentes no universo recriado.

O par romântico, Mels e Matthias, é particularmente peculiar devido ao papel já representado por este homem, perturbado e com um árduo passado que carrega na sua alma e consciência, já ela, por outro lado, é uma refrescante novidade que cria rapidamente empatia com o leitor, graças ao seu entusiasmo e dedicação de corpo e alma às causas em que acredita. São apostos que se atraem até que o inacreditável acontece, até que a paixão partilhada e as suas próprias existências ficam viradas do avesso. São, no fundo, duas almas humanas sequiosas de algo que desconhecem, duas almas que se encontram num momento infeliz. São personalidades plenas nas suas essências, que representam na perfeição a chama dramática do amor, expostas a incontornáveis caminhos sombrios que tenderão a afastá-los do que mais anseiam, a felicidade.

Como é habitual, apesar de o casal principal deter uma boa parte da atenção do leitor, o destino da humanidade e a sua salvação são o foco principal da acção contínua, bem como a porta de entrada para o irreverente, sensual e brutal Jim Heron. Agora e sempre este protagonista é marcante, com o seu estilo singular, a intensidade das suas emoções e a sua natureza crua, dúbia, que expõe o melhor e o pior de todos nós 7 pecados mortais e a redenção dos mesmos numa única identidade.
Adrian e Devina, anjo e demónio, continuam as mesmas criaturas aladas com uma barreira maleável a conservá-los na facção a que pertencem e são, juntamente com Jim, os seres que têm mais destaque relativamente ao fantástico. Os três caracterizam-se pelos seus impulsos fortes, indomáveis, exemplificando o quão longe as suas divindades se encontram da perfeição e quão perto estão da tentação.

No que respeita a problemáticas abordadas, Mels acaba por ser a personagem que mais se destaca ao trazer algo de novo para o texto, permitindo uma reflexão sobre perda e superação, sobre dilemas familiares e laborais que, por sua vez, introduzem intervenientes secundários interessantes.

Relativamente a avanços e recuos nesta singular batalha alada que envolve os 7 pecados mortais, a narrativa desenvolve-se recorrendo, novamente, ao passado de Jim nas Forças Especiais e ao seu trauma obsessivo com Sissy, que continua a ser uma peça fundamental para a história enquanto a sua alma e recordação existirem.

Por fim, J. R. Ward é veterana e sabe como colocar todos os seus atributos numa história, com a sua escrita apelativa, descrições sensitivas e diálogos pertinentes que nos fazem desejar não parar de ler. Definitivamente, ela sabe cativar e manter viva a curiosidade do seu leitor com pormenores deliciosos, como por exemplo o Cão ou mesmo a ausência de Ed., de quem ficamos sempre a desejar mais informação.

Esta é uma aposta assertiva da Quinta Essência, que veio enriquecer ainda mais o seu catálogo. Livros que eu sugiro a todos os que apreciem mistério, romance e fantasia de qualidade, conjugados na perfeição e com forte teor de entretenimento.

Série Anjos Caídos
Cobiça – Livro 1 (Opinião)
Desejo – Livro 2 (Opinião)
Inveja – Livro 3 (Opinião)

Título: Êxtase
Autora: J. R. Ward
Género: Romance Sensual; Fantasia Urbana


0 comentários :

Redes Sociais

*Editorial Presença*

*Editorial Presença*
Passatempo - Até 23 de Junho!

Editorial Presença*

Editorial Presença*
Passatempo - Resultado em breve!

*Passatempo*

*Passatempo*
Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide