Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

sábado, 22 de dezembro de 2012

Sinopse:
O major Jack Novak nunca recusou enfrentar um desafio – até que conhece a enfermeira tenente Ruth Doherty. Quando Jack vai parar ao hospital do exército depois da queda de um avião, decide que a sua missão prioritária é conquistar o coração de Ruth. Não será fácil. Não só Ruth está concentrada no seu trabalho para poder sustentar a família, como carrega um segredo vergonhoso que a impede de entregar o coração a qualquer homem. À medida que o perigo e a tensão da Segunda Guerra Mundial aumentam, Jack e Ruth irão precisar um do outro mais do que nunca. Conseguirá Jack transpor as defesas dela? Ou estarão destinados a seguir caminhos diferentes
Conseguirão eles ultrapassar o passado… e encontrar juntos um futuro melhor?

São muitas as formas que podemos utilizar para falar de amor, a própria Quinta Essência oferece ao leitor uma exploração múltipla deste sentimento nas suas colecções, mas a escolhida por Sarah Sundin, onde a ausência tem tanta força como a presença do ser amado, chega-nos ao coração com uma naturalidade rara, que só existe devido ao grande fundo de verdade que a autora descreve na perfeição através dos seus enredos, com lágrimas e sorrisos nas palavras, em tempos de guerra.

Para quem leu o livro que antecede Nas Asas da Memória, da trilogia Asas de Glória, rapidamente reconhecerá os traços característicos desta história que, com um cariz religioso, nos passa um retrato fidedigno das muitas vidas e emoções sentidas ao longo da Segunda Grande Guerra.

O casal de protagonistas, constituído por Ruth e Jack, marca pelas diferenças óbvias do seu passado mas, no entanto, quis o presente que a causa de tanto sofrimento os unisse e que cada um, à sua maneira, procurasse atingir os objectivos que estabeleceram para si, acompanhados pelo florescer de um primeiro grande amor.
Como personagem principal, são vários os pontos de interesse que a enfermeira Ruth oferece ao leitor. Bela, magoada pela vida mas com uma garra e sorriso imensos, esta mulher permite-nos observar atentamente algumas das dificuldades sociais associadas a esta época, enquanto se esforça para educar a sua extensa prole de irmãos mais novos. É através da sua adolescência e juventude, que recorda com dor, que analisamos a sua consciência, inocente, culpada, onde o medo e a vergonha são as emoções permanentes, bem como a ausência de crença e esperança que a impedem de encontrar um final menos feliz.
Jack Novak, por seu lado, é uma personagem de características familiares uma vez que já conhecemos o seu irmão de Walter Novak – o protagonista dos livro anterior, Nas Asas do Amor –, este militar tem como principal dificuldade escolher o seu futuro e, por isso mesmo, vive com o coração dividido entre a profissão militar que ama e o destino de pastor que a família reservou para si.
Um acidente de Jack irá uni-lo a Ruth que, com a sua generosidade e dedicação à farda, terá de tomar a mais difícil das opções, permitir-se ser feliz ou continuar a deixar-se levar pelo vergonha e pela total dedicação aos entes queridos que lhe restam.

Para lá do romance, fiquei bastante agradada com a nova abordagem social de Sundin, que atendeu não só às classes menos favorecidas, como também a um dos grandes pecados do ser humano, a ambição, presente através de duas perspectivas inconcebíveis, principalmente se se tiver em conta a fragilidade da vida nestes tempos.
A análise feminina efectuada, onde encontramos mulheres mais liberais e forçosamente independentes, é outro dos pormenores apelativos que nos mostra quão bem efectuada foi a pesquisa para a elaboração desta série que, embora seja um romance simples, consegue fazer igualmente um bom retrato de época.

Em relação ao enredo, é importante citar ainda que este nos oferece duas histórias em separado, as vidas dos protagonistas, bem como diversas ramificações interessantes dos que lhes estão mais próximos – algo que já tinha acontecido no livro anterior –, o que sem dúvida só contribui para elevar o valor da narrativa.

No que se refere a Sarah Sundin, a sua escrita continua a ter um certo encanto e uma certa leveza, ao mesmo tempo que representa com primor a carga dramática.
Quem optar por esta leitura, deve igualmente ter presente o tempo da história porque efectivamente este encontra-se representado irrepreensivelmente, através das descrições emocionais e de cenário, com uma beleza triste, não fosse este um livro de sentimentos fortes que se conquistam nas mais difíceis situações.
Quanto a dar a ver o ambiente, Sundin esmerou-se particularmente nas batalhas aéreas, quase nos sentimos dentro de um avião a temer pela vida, acreditem.

Pessoalmente, tinha a fasquia relativamente elevada mas não me desiludi, sabia o que esperar desta autora. Gostei em particular de tudo o que envolve as enfermeiras de voo, mulheres corajosas e fascinantes, bem como da credibilidade associada ao tema abordado.
Menos positiva é, na minha opinião, a falta de diálogo entre o casal principal mas, sou obrigada a confessar, faz todo o sentido que assim seja. (Sim, eu conheço casais com mais idade que namoraram quase exclusivamente por carta até ao casamento, não é o caso neste livro em particular, mas era assim que muitas vezes acontecia.)
Reafirmo uma vez mais, para que não fiquei reticências quanto a este ponto, que esta autora é muito crente e isso esta bem latente nas suas palavras.

Este livro é mais uma maravilhosa aposta Quinta Essência que, como sempre, vem provar ser a escolha ideal para quem gosta de ler sobre os dilemas do coração e, assim sendo, sugiro esta leitura a todos os aficionados do género.
Livro 1
Série Asas de Glória




Nas Asas do Amor (Opinião)

Título: Nas Asas da Memória
Autora: Sarah Sundin
Género: Romance

2 comentários :

Denise disse...

Olá!

Deixei-te um selo no meu blog, aqui: http://quandoseabreumlivro.blogspot.pt/2012/12/campanha-de-incentivo-leitura.html

Feliz Natal :)

Elphaba J. disse...

Obrigada Denise :)

Beijinhos*

Redes Sociais

*Passatempo Halloween*

*Passatempo Halloween*
Passatempo - Resultado!

*Planeta*

*Planeta*
Passatempo - Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide