Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

domingo, 26 de agosto de 2012

Sinopse:
Jacob Marlowe é um lobisomem solitário, o último da sua espécie. Há duzentos anos que vagueia pelo mundo, escravo dos seus apetites ferinos, que o condenam a devorar um humano a cada nova lua cheia. Mesmo sabendo que irá pôr fim a uma lenda com milhares de anos, Jacob pensa no suicídio. No entanto, em breve Jacob descobre uma razão muito mais forte para querer continuar a viver, quando se apaixona por Tallulah, a última lobisomem.

Há livros que são extremamente duros e este é, certamente, um deles. Duro, rude, erótico, psicologicamente forte e, por isso mesmo, fascinante.
O Último Lobisomem é um cocktail perfeito entre a realidade e a ficção para uma camada de leitores adultos que, rapidamente, se deixarão levar por uma personagem transcendente que absorve todas as páginas para si. Através de uma linguagem magistral, contínua, ligeiramente psicótica, mas completamente credível, conhecemos um lobisomem que põe em causa todos os preceitos de humanidade dentro da perspectiva que conhecemos nos dias de hoje.

Quando se vê o mundo através de um monstro, quando se é o único sobrevivente da nossa espécie e quando se perdeu a capacidade de amar há cento e setenta anos, o universo, o Deus e as palavras como compaixão, generosidade, clemência e Homem tornam-se redundantes.
Dizer que se considera o fim como o mais aguardado momento de glória é um exagero, é de facto amplificar uma emoção, mas o que é o fim se não o alívio pleno, o nirvana, para alguém que na sua total existência repleta de exuberância, e com tudo ao seu alcance, nunca encontrou mais do que insatisfação na sua vida de lobisomem, na sua vida de Jake, de Jacob, de homem.

Este livro é uma narrativa repleta de suspense e horror que está longe de ser aconselhada por mim a todo o tipo de leitores mas creio que, seguramente, se embrenhará na mente dos mais ousados, sedentos de boa ficção e com uma ligeira inclinação para a literatura fantástica.
A sua vertente romântica não é sensual nem divertida mas é, definidamente, arrebatadora, lasciva, crua e profundamente extasiante. A sua vertente policial não contém grandes enigmas mas é cruel, fria, sangrenta e criada para conceber impacto, retirando quaisquer lirismos aos velhos heróis. E a sua história, o enredo, não é encantador mas marcante, queimando e rasgando quaisquer fabulas sonhadas para licantropos e, por tudo isto, a personagem que relata em jeito de confissão a sua vil existência é perturbadora, envolvente, apaixonante e, algumas vezes, repugnantemente maravilhosa mas com o dom de transportar o leitor para um submundo alucinante.

Uma leitura que, sem dúvida, será surpreendentemente inesperada e que pasmará diversos leitores pela sua carga emocional forte e psicologicamente distorcida que se evidência pelas inúmeras pontuações reais que dão sentido e credibilidade a este livro imenso que, acredito, vos conquistará.

Glen Duncan é um autor prodigioso que se expressa através de uma escrita cinematograficamente descritiva abordando a acção de forma concisa para que quem lê visualize a totalidade dos acontecimentos, atendendo a pormenores e cuidando reter a máxima atenção nos momentos chave.
É notável o quanto o autor deu de si próprio ao protagonista que, por sua vez, ofereceu a sua alma à história que traduz a sua vida.
Na linguagem adoptada não existe espaço para romanticismos ou dramas mas a verdade é que estes encontram-se predominantemente expostos de forma frígida e desumana singularizando O Último Lobisomem.
Creio que, muitos dos que lerem este livro, encontrarão aqui algo de brilhante e conseguirão confirmar por si próprios uma criatividade magistral que não passará despercebida, destacando-se facilmente, entre as restantes obras literárias deste género.

Quanto a mim adorei este livro que me surpreendeu até ao final pelas muitas reviravoltas repletas de acção que dominam o destino da personagem principal.
Não vou dizer-vos que é uma leitura fácil, não é, e muito menos é uma leitura comercial pois a escrita de Glen rompe todos os parâmetros de banalidade a que estou acostumada na literatura fantástica. Este é, no entanto, um livro que me conseguiu absorver a partir do momento em que me conciliei com linguagem adoptada que visa tornar palpáveis todos os acontecimentos.
Ideal para quem, como eu, também gosta de ver a fantasia enquadrar-se em factos reais e plausíveis e, a partir daí, ver desenvolvida uma história urbana repleta de criaturas fantásticas.  
Fiquei ansiosa para ver o filme que irá estrear em 2014 embora saiba que este não será, nem de perto, nem de longe, tão bom como esta narrativa que me deu imenso prazer folhear.

Esta é uma aposta Editorial Presença, pertencente à colecção Via Láctea, para maiores de 16 anos, definitivamente, pois na minha perspectiva é crucial que este livro não seja dado a leitores imaturos que, de qualquer forma, não conseguirão atingir a sua essência. Também não é um livro que eu sugira a leitores susceptíveis pois aqui a violência e o sexo são tão usuais como o acender de um cigarro, um trago de whisky e uma M14 a roubar uma vida.

Autor: Glen Duncan
Género: Fantasia
Editora: Editorial Presença

4 comentários :

v_crazy_girl disse...

Eu comprei este livro há uma semanita e já o tenho cá em casa ^^

Estou a ver que gostaste imenso e fiquei muitíssimo curiosa!!

bjs*

Elphaba J. disse...

Gostei imenso Crazy, imenso! Prepara-te que não é uma leitura usual mas é, sem dúvida, uma história que sem embrenhará em ti.

Beijinhos e boa leitura.

Teresa Araújo disse...

Estou com bastante curiosidade para ler este livro;)

Teresa
http://romances-de-mesinha-de-cabeceira.blogspot.pt/

Elphaba J. disse...

Teresa o livro é muito bom mesmo. Tenho a certeza que vais gostar.

Redes Sociais

*Passatempo Halloween*

*Passatempo Halloween*
Passatempo - Até 12 de Novembro!

*Planeta*

*Planeta*
Passatempo - Resultado!

*Planeta*

*Planeta*
Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide