Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

terça-feira, 17 de abril de 2012

Sinopse:
Lydie McBride sempre viveu a vida ao máximo. Mas quando uma tragédia impensável atinge a sua família tudo aquilo em que acredita se estilhaça. Michael, o seu marido arquiteto, vê a paixão desaparecer dos olhos de Lydie e do seu casamento, e espera que uma temporada de trabalho em Paris os ajude a regenerar o amor que noutros tempos parecera inatacável. Mas a Cidade das Luzes contem segredos e seduções para ambos. Enquanto Michael se dedica ao seu projeto de design no Louvre — e cai na esfera de ação de uma francesa misteriosa, sedutora —, Lydie encontra inspiração para o seu trabalho como designer de ambientes e enceta uma amizade com duas mulheres muitíssimo diferentes que a irão tornar capaz de encontrar uma nova vida. Haverá lugar para o homem com quem sempre quis partilhar essa vida… se conseguir voltar a encontrá-lo?

À luz de uma desgraça e de uma solução, heis que Paris é o princípio de uma resposta para sarar feridas que parecem eternas, no entanto, para lá do brilho que preenche a cidade do Louvre nascem confidências e desejos que avançam um passo adiante do destino encerrando todas as esperanças e prevalecendo, unicamente, a fuga e a promessa de redescobrimento para o amor.

Segredos em Paris, como romance, é complexo extravasando algumas normas que na vida real nos deixariam derrotadas ainda assim, para lá da paixão, este é um livro que engloba a beleza mágica de uma cidade, os valores de uma nova amizade, as ambições que sustentam uma vida e a coragem necessária para prosseguir quando tudo parece perdido através de um núcleo restrito de personagens que nos final conhecemos de forma quase íntima.
Luanne Rice tem uma escrita bonita e assertiva que se apodera dos seus enredos fidedignos e repletos de contornos plausíveis que surpreendem até ao final. Não se coibindo de manusear os seus intervenientes a autora oferece um ritmo entusiástico que contrabalança com uma leveza imensa para o desenlace tão aguardado.

Começando por falar-vos um pouco dos protagonistas que povoam estas páginas Lydie é sem dúvida quem mais se destaca, não só por intervir em quase todas as situações que se desenvolvem no livro, como também pela sua personalidade e história de vida repletas de altos e baixos como a vida de qualquer um de nós.
Criada com conceitos muito fortes no que respeita à família e com uma garra imensa de viver, conhecemos Lydie a vivenciar o oposto daquilo que sempre sonhou e a caracterizou, no entanto, nem tudo poderá estar perdido e ao conhecer a elegante e sofisticada Patrice, uma emigrante americana a viver em Paris com um coração enorme, desenvolve uma bonita amizade proporcionando a nossa personagem alargar os seus horizontes nesta cidade que ameaçava tornar-se uma prisão emocional.
Michael, o marido de Lydie e causador da sua estadia fora de casa, há muito que não reconhece na sua esposa o amor que os uniu e com um trabalho que o absorve, num local enigmático e repleto de tentações, depressa começar a desviar-se do objectivo principal que o impeliu para outro continente.

Os dramas que acompanham as três personagens que citei anteriormente compõem o enredo principal pois todos eles se irão deparar-se com questões por resolver e dilemas que vos prenderão a atenção ao longo do livro e, felizmente, é graças estes intervenientes complexos que temos oportunidade de conhecer personagens secundárias interessantíssimas como Kelly (que pode ser considerada principal), ela é a empregada filipina ilegal Patrice com quem nos compadecemos logo de inicio, assim como a misteriosa Anne uma francesa dedicada a uma história do século xv, que reencarna de forma perturbadora, pondo em causa o casamento de Lydie e Michael.


Embora sejam poucos os intervenientes e em alguns momentos tenha considerado a narrativa um pouco forçada a verdade é que consegui retirar deste texto maior prazer analisando os temas abordados pela autora. Desde os dramas vividos por emigrantes ilegais, o sonho americano ao adultério, muitas são as razões que nos prendem a este livro, que de forma simples sem descurar a beleza proporcionada por um país estrageiro, Luanne Rice soube enquadrar na perfeição sem nunca perder o objectivo principal, o romance.

Pessoalmente foi da coragem e dos medos das personagens, dos seus problemas e dos seus sonhos, que obtive maior proveito atendendo sempre a moral forte que este livro transporta a par com os momentos intrigantes que me deixaram em suspenso até ao final. No entanto, embora as minhas palavras transpareçam que esta se trata de uma leitura complexa, para quem procura uma leitura breve e uma boa fonte de entretenimento este livro acaba por se revelar uma solução assertiva.

Luanne Rice, apesar da consistência de alguns temas, conseguiu também focar-se em questões simples como na beleza dos desenvolvimentos mais corriqueiros que fazem parte dos seus intervenientes o que, lhe proporcionou, a possibilidade de nos oferecer uma escrita fácil que torna a sua leitura fluida mas repleta de pormenores aprimorados e curiosidades sobre uma encantadora Paris. Até à última página estão resguardadas surpresas para o leitor ficando, após o término do livro, a vontade de saber um pouco mais sobre aqueles com que tão facilmente criámos empatia.

Esta é mais uma romântica aposta da Quinta Essência que trabalhando para oferecer bons momentos de descontracção a todos aqueles que se refugiam nos seus livros, possibilita ainda a reflexão sobre questões proeminentes e que estão, inevitavelmente, presentes nos nossos dias. Gostei.
Da mesma autora.





Opinião anterior:

Título: Segredos em Paris
Autora: Luanne Rice
Género: Romance
Editora: Quinta Essência 

2 comentários :

Carol disse...

De qual gostaste mais deste ou de "Milagre em Nova Iorque"?

Elphaba J. disse...

Pergunta difícil Carol... São livros diferentes com histórias completamente distintas assim como a abordagem que é feita ao romance.
Este tem mais dilemas a acontecer em simultâneo pois embora tenha poucas personagens todas elas têm questões por resolver. O "Milagre em Nova Iorque" é mais romântico e este tem temas interessantes desenvolvidos. (lol, desculpa a resposta extensa)

Boas leituas*

Redes Sociais

*Passatempo Halloween*

*Passatempo Halloween*
Passatempo - Resultado!

*Planeta*

*Planeta*
Passatempo - Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide