Livraria das Histórias

Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

sexta-feira, 7 de outubro de 2011
Sinopse:
“No seu novo romance, Marc Levy conta a história de um rapazinho com um dom invulgar: ele consegue «roubar» as sombras das pessoas com quem se cruza. Ao princípio, acontece-lhe involuntariamente e isso chega a assustá-lo. Sempre que se cruza com alguém – seja um amigo, um inimigo ou um perfeito desconhecido –, a sombra da outra pessoa passa a segui-lo... Por vezes contra a vontade do rapaz, as sombras contam-lhe os mais profundos desejos, temores e aspirações das pessoas a quem pertencem. E o rapaz vê-se em mãos com um dom que traz uma grande responsabilidade: ao saber estes segredos, terá de ajudar as pessoas – ajudá-las a recuperar «essa pequena luz que lhes iluminará a vida».
Durante uma férias de Verão à beira-mar, apaixona-se por uma rapariga muda, chamada Cléa, com quem comunica através da sua sombra. E a sombra deste primeiro amor acompanhá-lo-á durante anos...
Mais tarde, o nosso «ladrão de sombras» torna-se estudante de Medicina, e debate-se com a questão de usar ou não o seu dom para ajudar a curar – tanto os seus pacientes como os seus amigos. Afinal, será ele verdadeiramente capaz de adivinhar o que poderá fazer felizes aqueles que o rodeiam? E ele próprio, saberá onde o espera a felicidade?”


Um dos livros mais lindos que tive o prazer de ler até hoje.
O Ladrão de Sombras tem a capacidade de roubar emoções como muito poucos o conseguem. Esta é a história de um rapaz que se tornou homem e que, enquanto homem, nunca conseguia afastar-se da sua sombra de rapaz.
Repleta de ternura e amor, esta é uma narrativa maravilhosa, que nos conta os contornos do crescimento e evolução do ser humano, da sua capacidade emotiva de sentir e compreender o amor em todas as suas formas.
Marc Levy tem uma escrita genialmente simples e é através da pureza das suas palavras que tão facilmente cativa e conquista o leitor que, enfeitiçado na sua trama mágica, se deixa afundar nas suas páginas com o desejo de não mais regressar.

O nosso protagonista tem o dom de ouvir e receber as sombras dos que o rodeiam, e se na sua infância isso foi um problema grave e incompreensível, com a maturidade revelou-se uma necessidade constante para poder ajudar o próximo e obter conhecimento próprio.
Percorrendo mais de uma década somos levados entre os dramas da infância, na escola primária, e os devaneios de um jovem adulto que não se consegue concretizar, mas ainda assim trilhando os caminhos mais belos, complicados e acessíveis, do amor por todos os que lhe são próximos e aprendendo as mais bonitas lições.

Este foi o primeiro de muitos livros que desejo ler de Marc Levy. Com as lágrimas secas na face é para mim fácil divagar pelas ruas e os locais que fizeram do protagonista desta história um homem e que ficarão com certeza retidas na minha mente e na de todos aqueles que tiverem a oportunidade de ler esta obra.
Parte da magia, da essência, que nos retém neste livro passa pela capacidade do personagem principal de ouvir e ver as sombras dos que com ele se cruzam. Uma sombra é como uma alma que fala mais do que o corpo consegue transmitir e o alcance que se atinge quando se tem esse dom é impressionantemente forte, arrebatando o nosso jovem desde muito cedo.

Entre a vontade e o medo de sentir, muitos são os dramas reais que vivemos na primeira pessoa durante a narrativa, quer seja um primeiro amor, uma paixão, um melhor amigo, ou mesmo um drama familiar, todos eles de uma forma ou de outra fizeram ou fazem parte de cada um de nós e a forma magistral como estão transcritos expõem a magnificência que esta historia transporta.

As personagens secundárias são como uma cereja no topo de um bolo que por si só é irresistível e apaixonante, e a capacidade, quase irreal, que o autor tem de reproduzir dramas reais na mentalidade de uma criança conquistam-nos sem qualquer tipo de pudor. Senti-me completamente fascinada por Luc, Sophie ou Cléa, pela forma como todos eles, cometendo erros altamente, simplesmente, humanos se tornam ainda mais próximos dos nossos corações.

O Ladrão de Sombras não pode ser descrito para não perder o seu encanto e esse é um facto irrefutável, no entanto não posso deixar de o aconselhar a todos aqueles que tem a capacidade de se deixar arrebatar por uma história surreal e agridoce, que não é mais do que um conto de fadas humano em que a magia está pura e simplesmente na forma de sentir.

Esta é uma opinião muito emotiva da minha parte como leitora, mas não posso deixar de vos falar da escrita de Marc Levy que sem dúvida vos marcará, crua e bela, aproxima-se de cada um de nós como um sussurro que permanece no ouvido. Cuidada e simples fluí a uma velocidade surpreendente e quando terminada a história fica a eterna saudade da perda e da conquista plena. 

Dito isto, esta é uma leitura que aconselho fervorosamente, que irá repousar ao lado de A Mecânica do Coração, duas obras publicadas pela Contraponto que marcam um leitor por tempo indeterminado devido a tudo o que conseguem transmitir em narrativas soberanas e apaixonantes. Recomendo.

Título: O Ladrão de Sombras
Autor: Marc Levy
Género: Romance, Fantasia.
Editora: Contraponto

2 comentários :

Filipa Silva disse...

Boa noite
Começei a ler recentemente marc levy, e posso dizer que a seguir ao Guillaume Musso, é sem dúvida o meu escritor francês preferido!! No entanto estou já à algum tempo a tentar encontrar o livro “Ladrão de Sombras” em segunda mão, e não está nada facil…sabe como posso arranjar?
obrigada pela sua ajuda. Boa noite

Elphaba J. disse...

Olá Filipa, como estás?
Em segunda mão não sei mesmo onde poderás adquirir... é uma questão de ires espreitando os sítios habituais e pode aparecer por sorte. A minha sugestão é esperares até à Feira do Livro de Lisboa, uma vez que os livros Contraponto costumam ter um bom desconto.

Beijinho & Boas leituras*

Redes Sociais

*Editorial Presença*

*Editorial Presença*
Passatempo - Até 23 de Junho!

Editorial Presença*

Editorial Presença*
Passatempo - Resultado em breve!

*Passatempo*

*Passatempo*
Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide