Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

segunda-feira, 3 de outubro de 2011
Sinopse:
Callum Ormond foi avisado.
Ele tem 214 dias.
A contagem decrescente começou…
Cal consegue escapar por pouco ao fogo que deflagrou quando o Orca Ormond se despenhou. Enquanto os helicópteros sobrevoam os céus, os bandidos de Oriana perseguem-no em terra. Não há tempo para lamentar a morte do tio-avô – Cal tem de se esquivar dos polícias e dos bandidos, e regressar à sua busca pela Jóia de Ormond.
Convencido de Siglo tem a Jóia, Cal embarca numa perigosa missão de a reaver. Ele espera assim obter as respostas de que tanto precisa, mas e se apenas lhe for revelado outro ameaçador mistério? Roubar os seus inimigos pode vir a ser um erro fatal…
O relógio não pára… Cada segundo pode ser último…”

  
Meio ano passou, as pistas acumulam-se mas as dúvidas aumentam, o que estará por detrás do Enigma de Ormond é a derradeira questão e a chave para todos os problemas.
Junho é um mês de busca, de esperança, de que com a aquisição da Jóia de Ormond cheguem novas respostas para o nosso jovem e inocente protagonista.
Com amigos fiéis Cal não pode ceder ao desespero e, entre mortos e ferimentos, o mistério permanece e ainda existem pela frente 214 dias para sobreviver, nunca o tempo pareceu tão longo e a perspectiva de vida tão curta.

Se por um lado o nosso protagonista tem quase a certeza de que a Jóia está nas mãos de Siglo, o perigo que acarreta reavê-la quase não justifica o seu fim e, como se isso não basta-se, cada nova peça deste intricado puzzle vem acompanhada de novas dúvidas.
Com os riscos cada vez mais elevados e a habituação ao mal-estar constante, este não é de todo um mês negativo para Cal, ou pelo menos assim julgava o nosso rapaz, até uma nova mentira se juntar à teia complexa que se tornou a sua vida.

A família é parte ausente neste sexto livro mas por outro lado os companheiros de luta mantêm-se sendo cada vez mais cruciais para a sobrevivência de Cal. Boges é um personagem que tem cada vez mais em relevo, pois não só é uma das fontes de sobrevivência do nosso protagonista como é inteligente e um amigo incansável, mas os perigos começam a aproximar-se cada vez mais deste jovem amigo e é impensável imaginar Cal sem o seu auxílio.
Repro é mais uma vez repetente nesta trama e vamos poder contar novamente com os seus truques e habilidades para benefício de Cal, mas é impossível não reflectir, de onde vem e qual o seu passado é algo que estamos longe de descobrir.
Com um momento de especial ternura entre Callum e Winter esta é também uma personagem que provoca sentimentos ambíguos, nada é certo neste destino e o medo já faz parte constante do passar do tempo.

Neste mês de Junho Gabrielle Lord conseguiu mais uma vez diversificar a obra, não apenas com os clichés aos quais já nos habituou, o contra-relógio e a velocidade célere da narrativa, mas também pela entrada e saída de intervenientes bem como a diversidade de lugares percorridos pelo nosso jovem. Mas cenários à parte, é importante reafirmar que uma nova peça crucial se poderá juntar ao material de investigação que Cal já reuniu, até que ponto ela será esclarecedora isso é algo que ainda teremos mais seis livros pela frente para descobrir.

Setembro está a terminar e Outubro já está a porta, para quem segue de perto esta aventura é indispensável deixar escoar o tempo e aguardar por um final que promete conquistar muitos leitores. Para acompanhar de perto este contra relógio aqui fica: http://www.conspiracy365.com/
E ainda o blogue oficial de terras lusas através de: http://conspiracao365.blogspot.com/

Mas não é só de leitores que se faz a aventura de Cal e com o grande sucesso desta narrativa está a chegar uma série televisiva que eu não vou querer perder e que vocês podem e devem acompanhar mais de perto no link:

Da minha parte esta é uma leitura que continuo a recomendar para um público muito diversificado e que aposta na originalidade que no fundo é mas das características da imagem de marca da editora Contraponto. 

Para os mais esquecidos em meses anteriores…
Janeiro – Opinião
Fevereiro - Opinião
Março - Opinião
Abril - Opinião
Maio - Opinião

Título: Conspiração 365 - Junho
Autora: Gabrielle Lord
Género: Policial
Editora: Contraponto

2 comentários :

Rute disse...

Excelente crítica.
Já estou a seguir ;)

http://chadelivros.blogspot.com/

Elphaba J. disse...

Obrigada Rute :)

Beijinhos

Redes Sociais

*Passatempo Halloween*

*Passatempo Halloween*
Passatempo - Resultado!

*Planeta*

*Planeta*
Passatempo - Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide