Livraria das Histórias

Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

quarta-feira, 15 de junho de 2011
Sinopse:
"Uma perseguição trepidante corre mal e deixa Cal exposto ao gangue de Oriana. Se for capturado, toda a esperança de resolver a Singularidade de Ormond e ter uma vida normal desaparecerá de novo. Ele precisa de fugir, mas como pode deixar um homem inocente afogar-se?
Se Cal sobreviver, terá de decifrar o Enigma de Ormond e arriscar sair da clandestinidade para impedir os médicos de desligar as máquinas que mantêm viva a sua irmã mais nova. Mesmo que Cal resista até 31 de Dezembro, será que a sua família alguma vez vai voltar a ser a mesma?
O relógio não pára… Cada segundo pode ser o último…”


Extremamente recheada de acção e emoção a série Conspiração 365 veio para ficar e não deixa de surpreender a cada mês que passa. O perigo já faz parte constante da vida de Cal e quando parece encontrar alguma estabilidade ou pista para a sua absolvição eis que o destino lhe prega uma nova partida.
Gabrielle Lord apostou de forma assertiva nesta série policial direccionada para o público juvenil, que com uma escrita original e bem estruturada chega a nós mensalmente para delícia de miúdos e graúdos.

As peripécias são constantes e o futuro de Cal não se adivinha nada animador. Finalmente tem o Enigma de Ormond entre mãos, mas conseguirá sobreviver tempo suficiente para o conseguir decifrar?

Ao que tudo indica manter-se vivo é uma tarefa cada vez mais difícil, os capangas de Oriana e do Sligo não parecem desistir até o verem enterrado e para polícia ele não passa de um Puto Psicopata, se tivesse pelo menos o apoio da família…
Como se não bastasse, a sua irmãzinha continua entre a vida e a morte e Cal terá de arriscar tudo para tentar reverter esta situação pois querem desligar as máquinas que a mantêm entre nós, será este o fim da linha para o único membro da família que pode provar a sua inocência?

Os dramas são constantes e a emoção mantêm-se ao rubro para o nosso protagonista que se vê repetidamente entre perigos inesperados, mas nem tudo é negro, no seu caminho continua a cruzar-se a generosidade e amizade que o sustêm no limite da sua sanidade, para aguentar um dia a dia em que cada minuto pode ser o último.

Tiquetaque, tiquetaque… faltam 275 dias, conseguirá Callum Ormond subsistir para desvendar o mistério que tomou conta da sua vida?

Esta é uma história que não deixará ninguém indiferente, quer pela velocidade a que se desenrola a trama ou pela sua originalidade conquista-nos logo na leitura de Janeiro e daí em diante é viciante e impossível não querer saber mais sobre o futuro de Cal.

Quatro meses decorreram desde que Cal foi ameaçado pela primeira vez e nada voltou a ser como antes, a vida de adolescente normal já parece uma miragem. Para salvaguarda do nosso protagonista e encanto do leitor, Cal não está só e ao longo da narrativa encontramos muitas vezes momentos de humor em personagens diferentes que vão cruzando o caminho do nosso herói.
A já conhecida Winter é apenas mais uma incógnita na vida de Cal, Boges não confia nela e a verdade é que sempre que aparece trás consigo sarilhos. Qual será o seu papel afinal?
O hilariante Repro, um fugitivo louco (ou não), é repetente nesta história mas qual será a sua verdadeira entidade?

A verdade é que são muitos os que vão aparecendo e enriquecendo este enredo maravilhoso. À falta do pai e com uma mãe que o quer internar resta-lhe apoiar-se e encontrar algum conforto em desconhecidos que por vezes lhe salvam a vida ou, pelo menos, a tornam um pouco mais fácil neste caminho sinuoso. A verdade é que o futuro promete, para o bem ou para o mal a expectativa é sempre crescente.

A escrita de Gabrielle mantem-se muito acessível mas sempre exacta e cativante, mais uma vez tenho de louvar a suprema imaginação e fica no ar a pergunta, que surpresas estão para vir?

Neste último livro, uma vez mais, a autora deixou tudo em suspenso e desta vez Cal poderá ter perdido tudo o que conseguiu amealhar até então, a ansiedade aumenta e o livro de Maio já está a aguardar a sua vez. Eu não o vou fazer esperar e vocês, que mais precisam para entrar no universo alucinante de Callum?

O livro de Junho já está á venda. Uma excelente aposta Contraponto a que simplesmente não consigo resistir. Recomendo!
Opiniões dos livros/meses anteriores:
Conspiração 365 – Janeiro: Opinião.
Conspiração 365 – Fevereiro: Opinião.
Conspiração 365 – Março: Opinião.

Título: Conspiração 365 – Abril
Autora: Gabrielle Lord
Género: Policial – Literatura Juvenil
Editora: Contraponto

0 comentários :

Redes Sociais

*Editorial Presença*

*Editorial Presença*
Passatempo - Até 23 de Junho!

Editorial Presença*

Editorial Presença*
Passatempo - Resultado em breve!

*Passatempo*

*Passatempo*
Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide