Livraria das Histórias

Pesquisar Histórias:

Subscrever...

A Elphaba...

Adoradora de literatura em geral.
Viciada em literatura fantástica e romântica.
Fascinada por outros mundos e uma eterna sonhadora, assim eu sou.

Aviso:
Este Blogue e todos os textos escritos podem conter Spoilers!

Contacto:

Blog Archive

Com tecnologia do Blogger.

O Que Escrevo...

Seguidores

Próximas Opiniões...

Acasos Felizes
Um Mar de Rosas
Euro Pesadelo: Quem Comeu a Classe Média?
Pivot Point
Kafka Para Sobrecarregados
Amores contados
Maligna
A Revolta
A Marca das Runas
Un mundo feliz
Filha da Magia
Frankenstein
As Cinquenta Sombras Livre

Blogues Com Histórias...

domingo, 30 de janeiro de 2011
Depois de Eternidade e Lua Azul, chega esta semana a Portugal o muito aguardado Terra Sombria, o terceiro livro da Série Os Imortais, de Alyson Noël.

Na sequência de Eternidade e Lua Azul, já editados pela Gailivro através da chancela 1001 Mundos, chega esta semana às livrarias nacionais o livro Terra Sombria, o muito aguardado terceiro livro da série Os Imortais, da autoria da escritora norte-americana Alyson Noël. Com o seu universo de magia, encantamento e mistério, a autora tem vindo a revelar-se como a mais recente bestseller do género Fantástico em todo o mundo. Com data de lançamento marcada para dia 27 de Janeiro, o novo livro de Alyson aborda o sobrenatural e o romance, continuando a desenvolver conceitos como auras e karmas, fantasmas, médiuns, a vida após a morte ou a imortalidade, mergulhando no mais profundo dos abismos, na terra das almas perdidas: a Terra Sombria.


Editora: Gailivro  

Preço: 16,90 €

Sobre o livro:
"Ever e Damen, os protagonistas, caminharam juntos por incontáveis vidas passadas e lutaram contra os inimigos mais sombrios para ficarem unidos para sempre. Mas eis que uma poderosa maldição se abate sobre Damen… Agora, um simples toque de Ever poderá significar a morte súbita – arrastando-o para a Terra Sombria. Desesperada por salvá-lo, Ever mergulha na magia e encontra uma ajuda inesperada em Jude. Apesar de se conhecerem há pouco tempo, ele parece-lhe estranhamente familiar. E mesmo que ferozmente leal a Damen, ela sente-se atraída por Jude. Ever sempre acreditou que Damen seria a sua alma gémea. Mas, à medida que este se afasta para os salvar, a ligação de Ever com Jude intensifica-se, testando o seu amor por Damen como nunca antes tinha acontecido…"


Sobre a série “Os Imortais”:
Segredo e mistério, amor e perda, magia e eternidade marcam a atmosfera de Os Imortais – uma história passada num mundo encantado, onde nunca ninguém morre. Só os três primeiros livros (a série já vai em cinco) venderam, apenas nos Estados Unidos, mais de 3 milhões de exemplares e figuram nos tops do The New York Times, da revista Publishers Weekly e do jornal USA Today, tendo os seus direitos de publicação sido negociados em 34 países.
Quando lhe perguntam pelo seu interesse pelo sobrenatural, pelo paranormal, pela vida eterna, Alyson Noël tem resposta pronta: “Há alguns anos atrás perdi três pessoas que amava no espaço de cinco meses. Pouco tempo depois, (…) quase perdi o meu marido devido a uma leucemia. (…) Isso tudo fez-me pensar muito sobre a vida e a morte, a mortalidade e a imortalidade, e sobre os laços que nos ligam mesmo quando uma pessoa amada parte.”

A autora referiu ainda que a Série Os Imortais chegará aos seis livros e que os seus direitos para passagem ao grande ecrã já foram adquiridos, sendo também provável que se possa a vir a converter numa série de TV.
Enquanto esperamos por Dark Flame e Night Star, quarto e quinto livros de Os Imortais, convém lembrar que Alyson Noël já lançou nos Estados Unidos o primeiro título (Radiance) de uma série paralela, narrada por Riley, a irmã de Ever.

Sobre a autora:
Alyson Noël nasceu e cresceu em Orange County. Quando terminou o liceu mudou-se para Mykonos, na Grécia, onde viveu durante vários anos até se mudar para Manhattan, onde viveu e trabalhou como assistente de bordo para uma companhia aérea. Durante uma visita a casa de um amigo em Newport Beach, Alyson conheceu o seu marido e mudou-se de novo para Orange County onde vive e trabalha a tempo inteiro nos seus livros.

Site da autora (Aqui!)

Para saber mais visite  o blog de fãs da Série “Os Imortais” (Aqui!)

Booktrailer de Terra Sombria:
Sinopse:
Todos estão convidados para bordo
deste cruzeiro decadente pelo Mediterrâneo…
onde nada é o que parece, ninguém diz a verdade
 e o homicídio paira nas mentes dos passageiros…

Daisy Keane embarca no Blue Boat…

Quando o magnata inglês Sir Robert Waldo Hardwick morre de forma misteriosa num acidente de viação, deixa uma carta a nomear seis pessoas que suspeita lhe tenham desejado a morte. Daisy Keane e o investigador Harry Montana juntam-se para levar os suspeitos (e outros convidados como manobra de diversão) num fabuloso cruzeiro pelo Mediterrâneo, com todas as despesas pagas pelo falecido Sir Robert.
O mistério aumenta à medida que vão aportando em Monte Carlo, Saint-Tropez e Sorrento. E as reviravoltas inesperadas são apenas o princípio.

… e inesperadamente encontra o homem da sua vida.

Por fim, chegam à Villa Belkiss em Capri, onde será lido o testamento de Sir Robert… e o assassino desmascarado.
Com a beleza da paisagem do Yorkshire, as estâncias do Mediterrâneo e o magnífico iate de cruzeiro, mais a atracão intensa entre o solitário Harry Montana e a desconfiada Daisy, as paixões inflamam-se e o encanto de Villa Belkiss deslumbra.”


Para quem nunca leu Elizabeth Adler, como eu, não poderia ter encontrado melhor âncora para aproar-se às suas histórias. Estou completamente arrebata por uma viagem inesquecível...

Quando Sir Robert encontrou Daisy numa festa, cinco anos antes de a nossa história começar, esta era uma flor de Verão perdida num rigoroso Inverno e, quando a levou a jantar pela primeira vez Bob (ou Sir Robert), tornou-se um raio de sol de entre a tempestade, o primeiro veio de calor para fazer Daisy florir…

Entre paisagens arrebatadoras, a dor da perda e o renascer da alma, Daisy vai fazer o último favor ao seu mais querido Bob, terá então que descobrir a força necessária para descortinar quem poderá ser o possível responsável por um assassinato e com a ajuda indispensável de um cowboy, Montana, enredar esse desprezível Ser no mais harmonioso dos lugares para encontrar paz e bonança para o seu coração.

Percorremos as páginas de Viagem a Capri como quem realmente viaja num cruzeiro, calmamente e apreciando cada desfolhar. Com capítulos dedicados aos mais variados personagens, desde os suspeitos do assassinato, ao coração de Daisy e Montana vamos conhecendo vidas que poderiam ser nossas, num mundo que só pode fazer parte de um sonho.

Fiquei rendida por cada palavra, cada carta ou confissão na escrita de Elizabeth Adler que flui viciante como uma brisa amena no verão e que nesta época de frio me aqueceu o coração. Não esquecerei algumas lições que me foram dadas nesta narrativa, ficção, mas que tão sublimemente poderei aplicar a vida para que a luz possa aqueçer-me num momento de tormenta.

Mais do que um romance entrelaçado em policial este é um livro sobre generosidade, sobre segundas oportunidades e sobre a vontade de viver.
Da minha parte pouco mais tenho a desejar-vos senão boa viagem, eu com toda a certeza que terei novamente momentos de prazer visto que a Quinta Essência tem publicados mais quatro romances da autora, “Casamento em Veneza”, “Romance na Toscana”, “Lua-de-Mel em Paris” e “Verão na Riviera”.
Recomendo sem qualquer tipo de restrição a todos aqueles que gostam de uma boa história.

Disponível a 31 de Janeiro.

Título: Viagem a Capri
Autor/a: Elizabeth Adler
Género: Romance
Editora: Quinta Essência
sexta-feira, 28 de janeiro de 2011




Estas são as novidades da nossa querida Quinta Essência para Fevereiro, muito tentadoras, certo?
Sinopse:
“Mercy tem amigos em lugares estranhos e sombrios. E agora deve um favor a um desses amigos: o vampiro Stefan precisa das capacidades de metamorfose de mercy para entregar uma mensagem a um vampiro recém-chegado á cidade. O que Mercy não sabe é que este novo vampiro tem um segredo: na verdade é um feiticeiro possuído por um demónio prestes a lançar o caos na cidade. Depois de várias tentativas da comunidade paranormal para destruir a criatura, Mercy vê-se envolvida na refrega: embora os seus amigos vampiros e lobisomens sejam mais fortes que ela, são as suas habilidades especiais que poderão salvar a todos. E quando descobre a verdade sobre essas habilidades Mercy vai aprender muito sobre o seu passado e os lobisomens que a criaram…”

Foi com imenso prazer que entrei novamente no imaginário de Patricia Briggs e, entre mortos e feridos, o resultado final de mais um livro desta maravilhosa série, Mercy Thompson, foi de plena satisfação por superar todas as expectativas resultantes do volume anterior “O Apelo da Lua(Opinião Aqui!)

No primeiro livro desta série, após uma atribulada aventura para salvar a filha do Alfa do bando local, Mercy a minha já conhecida, e favorita, mecânica de automóveis ficou em dívida para com os sugadores de sangue, seres do mal que desvalorizam os humanos e Stefan, um vampiro conhecido de longa data de Mercy, como paga “pede-lhe” que o acompanhe encontro com um vampiro novato que se defronta com o facto de estar possuído por um demónio, ou seja, um feiticeiro poderosíssimo. Simples?
Seria, se a pacata Tri-Cidades não estivesse a ser conduzida por este ser maléfico à síndrome de violência extrema e os lobisomens, com o instinto de domínio territorial, não ficassem impotentes perante este panorama.
A nossa protagonista entra assim num jogo muito perigoso em que não poderá contar com aqueles que sempre a protegeram e terá de fazer valer-se do seu poder de caminhante que lhe oferece imunidade contra a magia dos vampiros.
Mas, como se isto não fosse suficiente, a nossa frágil Mercy terá ainda de combater uma luta para com os seus sentimentos, que se dividem entre uma mágoa antiga com o lobo dominante Sam e o sedutor Alfa local, Adam, que faz o seu coração bater como um tambor… Com muitas vidas em risco e uma nuance de romance, este é sem dúvida um cocktail que não deixará indiferente qualquer leitor.

Entre magia, fantasmas, vampiros, feéricos e muitos outros seres este é o típico universo fantástico para adultos que nos consegue absorver por completo para o seu mundo.
O ponto forte desta narrativa é sem dúvida alguma a sua heroína, que apesar de transmitir uma forte humanidade revela uma capacidade louvável para absorver o todo que a rodeia sem nunca hesitar perante o perigo para por a salvo aqueles que estima.

Quanto á autora, Patrícia Briggs, revela uma vez mais a capacidade de reunir um bocadinho de terror nas cenas sangrentas, o romance nos jogos de sedução entre os lobitos com Mercedes e ainda o género policial no notório trabalho de investigação por parte da protagonista, construindo assim um universo de fantasia urbana madura que vos deixará rendidos.
A escrita, como não podia deixar e ser, adequa-se tanto ao público jovem como adulto, com uma narrativa madura e cativante que decorre de forma fluida desmitificando a intriga sempre no momento certo, conservando desta forma o leitor preso à trama.
Para terminar, no final do livro podemos ainda contar com a continuidade da entrevista a Patricia Briggs que nos permite saber um pouco mais sobre a autora e as suas inspirações.

Já anunciado pela Saída de Emergência temos o título do terceiro volume “Beijo de Ferro e algo me diz que neste próximo livro a autora nos dará a explorar um pouco mais dos seres feéricos que tanto suscitam curiosidade, eu da minha parte ficarei aguardar com a devida expectativa e ansiedade que só a série Mercy Tompson consegue transmitir. Recomendo!


Título: Vículo de Sangue
Autor/a: Patricia Briggs
Género: Fantasia Urbana
Editora: Saída de Emergência

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011
O regresso da maior referência do romance histórico.
MATARAM A RAINHA!
- A Época dos Venenos I -

280 páginas
PVP: 18,85€
Tradução de Irene Daun e Lorena e Nuno Daun e Lorena

Sinopse:
Charlotte de Fontenac foge do convento onde a mãe, sequiosa da fortuna do defunto marido, a queria obrigar a tomar o véu.
Perdida na noite, a jovem depara-se com um ritual aterrador numa capela abandonada... Até que um desconhecido a arranca da perigosa contemplação.
Sobre Paris e a corte de Luís XIV sopra o vento pestilencial do Caso dos Venenos e a suspeição recai sobre todos.
Encontrando refúgio em casa da tia, madame de Brecourt, Charlotte é enviada para a corte da jovem e pitoresca duquesa de Orleães, Madame, a princesa Palatina.
Um caminho singular, o dos palácios reais, abre-se diante de Charlotte, e os perigos avolumam-se. Um capricho da natureza fá-la parecer-se com um antigo amor de Luís XIV, o que lhe vale o ódio de madame de Maintenon, em vias de tomar o lugar de madame de Montespan. No momento de maior perigo é Maria Teresa, a rainha, que lhe presta auxílio... mas morre passados quatro dias.
Mortes suspeitas, missas negras, um amor que não ousa dizer o seu nome e protecções que desaparecem uma após outra. Que vai ser de Charlotte?
Esta é a primeira parte de uma série de dois livros com a acção centrada na Época dos Venenos, um episódio real que abalou a corte de Luís XIV. Ainda por desvendar, estão muitos dos mistérios, suspeitas e aparatosas execuções, que ocorreram entre 1670 e 1682. A Rainha Maria Teresa foi apenas mais uma das muitas vítimas de esquemas políticos e passionais que alimentavam a Paris do faustoso monarca…

Sobre a autora:
Herdeira da tradição do romance histórico do século XIX, Juliette Benzoni tem os seus romances traduzidos em mais de 25 línguas. Com a sua escrita envolvente e rigorosa, a autora guia o leitor através das tramas e aventuras mais ousadas. O imenso êxito que alcança com as suas séries demonstra o seu grande talento e é considerada uma figura de primeiro plano neste género literário. Muitos consideram-na, pela longevidade e abrangência da sua obra literária, «a rainha do romance histórico».
Tem vários livros convertidos em filmes e séries televisivas.
Para mais informações, consulte a página dedicada à autora:
Sinopse:
“Cerca de 200 anos depois de ter criado o seu monstro, Victor Frankenstein (agora conhecido como Victor Helios), instalou-se em Nova Orleães. A sua investigação e as suas experiências estão cada vez mais sofisticadas, já não tem de roubar cadáveres em cemitérios para construir as suas criaturas, e desenvolveu uma tecnologia que lhe permite escapar ao envelhecimento. O seu plano consiste em propagar por Nova Orleães espécimes da sua Nova Raça de criaturas perfeitas, destinadas a exterminar e a substituir os «imperfeitos» seres humanos.

A única criatura capaz de travar este plano diabólico é o misterioso Deucalião – o primeiro «monstro» criado por Frankenstein. Aparentemente imortal e indestrutível. Deucalião parece possuir também uma alma e uma consciência quase humanas. Mas será isso suficiente para impedir os planos do deu monstruoso criador?”


Peguei em Frankenstein – o filho pródigo sem saber o que esperar desta leitura e não poderia ter-me surpreendido mais pela positiva! Esta narrativa é brilhante como à muito não tinha o prazer de desfolhar. Sei que já fazia algum tempo que não lia um policial e daí talvez me ter sentido tão avassalada, mas ainda assim, sei que não faltaram motivos para que este livro venha a constar no vosso top.

Quando uma série de homicídios brutais deixa os jovens detectives em ascensão Carson e Michael num beco sem saída, estes estavam longe de descobrir que nem nos seus maiores pesadelos encontrariam respostas para o horror que está a assolar Nova Orleães.

Quando Randal Seis, um ser da Nova Raça, programado para o estudo do autismo julga encontrar a solução para descobrir segredo da felicidade num retrato de jornal, nem o seu próprio “Pai” desconfiava até onde poderia lutar e superar a sua doença.

Quando Erika Quatro descobre em si sentimentos como humildade e compaixão, para os quais não estava programada, Erika Cinco fica um passo mais perto de alcançar a sua vida.

Quando um serial killer, mais conhecido como Cirurgião, julga estar a um passo da perfeição a sua arca frigorífica revela-lhe que no quão imperfeito se pode tornar o seu mundo.

Quando Deucalião alcança a paz num mosteiro dos Himalaias o seu maior pesadelo revela-se para que possa combater o monstro e encontrar finalmente a redenção.

Quando Victor Frankenstein pensa estar prestes a dominar o mundo e tornar-se Deus descobre que nem toda a inteligência e tecnologia do mundo serão suficientes para travar a sua própria obra.

Com 95 capítulos e uma mão-cheia de histórias interligadas, este livro está recheado de personagens distintas mas todas elas riquíssimas e empolgantes que nos proporcionam cenários de fazer inveja ao CSI e um vilão que transforma o Hannibal num menino coro.
Esta narrativa encontra-se assim repleta de terror com detalhes capazes de nos fazer pele de galinha! Não só somos permeados com cenas repletas de acção como cenários dignos de um bom filme de ficção científica.
Sem descurar pormenores, são abordados temas tão importantes nos dias de hoje como o autismo, crenças e até os sentimentos. Até que ponto somos capazes de nos sentir vazios se nos for negado um único sentimento? Até onde vai o ser o humano para atingir os seus fins?

A escrita de Dean Koontz é muito rica e fluida, minuciosamente pormenorizada quando o tem de ser, mas acima de tudo apelativa. Foi muito fácil entregar-me a este livro que mistura o romance, policial, terror e ficção científica numa única trama de cortar a respiração.
Inspirador estamos perante um autor que marcará não só trazer para a actualidade a continuação da história de Mary Shelley, "Frankenstein", mas também por ser capaz de nos fazer repensar sobre questões éticas e morais através de um vilão que se não for travado poderá fazer de Novas Orleães o começo do fim na nossa espécie, Victor Helios( Frankestein) o vosso novo pesadelo.

Com um final emocionante só me restas esperar com uma enorme ansiedade a continuação já anunciada pela Contraponto em Frankenstein – a cidade das trevas.
Recomendo!

Título: Frankenstein - o filho pródigo
Autor/a: Dean Koontz
Género: Romance, Ficção, Terror, Policial.
Editora: Contraponto


sábado, 22 de janeiro de 2011
Disponivel desde 21 de Janeiro!


SINOPSE:
Uma manhã, Gemma deixa para trás a sua vida de todos os dias e entra num avião com o filho de dezasseis anos, Pietro. Destino: Sarajevo, uma cidade entre o Ocidente e o Oriente, ainda cicatrizada pelas feridas de um passado recente. À sua espera no aeroporto está Gojko, um poeta bósnio que em tempos apresentou Gemma ao amor da sua vida, Diego, um fotógrafo que captava cenas de beleza estonteante nos reflexos de poças de água.
Esta é a história desse amor, inserida num quadro contemporâneo e devastador do mundo em guerra e em paz. Mas é também a história da maternidade procurada, perdida e finalmente encontrada, um conto misterioso que desafia a ciência e a biologia.





*Vencedor do prémio Campiello 2010, o prémio literário mais importante em Itália.

*A autora, Margaret Mazzantini, é uma das vozes mais originais e mais fortes da literatura italiana contemporânea, sendo também uma das mais internacionais, publicada em mais de 30 países.

*O filme de Vir ao Mundo, que está a ser realizado por Sergio Castellitto (marido da autora), será protagonizado por Penélope Cruz. Javier Bardem e Benicio Del Toro são falados para o papel de Gojko, o poeta bósnio.

*O seu livro anterior, de há 6 anos, Não te Movas (Dom Quixote) vendeu mais de 1.500.000 exemplares só em Itália e ganhou o prémio Strega. O filme, também realizado por Sergio Castellitto, e com Penélope Cruz no papel principal, foi um êxito internacional e conquistou diversos prémios em vários festivais.



Já existe a página oficial no Facebook para o Blog Comer Animais. Para dar mais visibilidade e chegar a mais interessados nesta temática sugere-se então que acedam à página, partilhem!




Blog Comer Animais (Aqui!)

Página Oficial no Facebook (Aqui!) 

quinta-feira, 20 de janeiro de 2011
Sinopse:
Parte humana, parte extraterrestre, a raça vive entre a humanidade há milhares de anos, mantendo uma paz provisória baseada no sigilo, no poder e na justiça feita pelos formidáveis guerreiros da Ordem.
Mas agora está prestes a começar uma guerra de sangue dentro da Raça. Os vampiros estão a tornar-se Renegados em cada vez maior número, alimentando-se indiscriminadamente, matando humanos nas ruas. Cabe à Ordem parar a propagação da ameaça de dominação dos Renegados - e, ao fazê-lo, cada um dos guerreiros será forçado a enfrentar os seus demónios, os seus segredos mais obscuros, os seus medos mais profundos. Alguns conhecerão o triunfo, outros a perda, mas cada guerreiro pode contar com uma coisa: o amor, quando o encontra, vem muitas vezes no pior momento possível, com a mulher menos provável… e fará ajoelhar cada um desses poderosos machos.”

Sedutoramente perigoso este livro transporta-nos para um mundo onde a segurança de todos nós se rege pelos raios de Sol, através de um romance emocionante que transpõem todas as noções do desejo e contradições do amor.

Gabrielle vê o mundo através da sua lente fotográfica e é em locais inóspitos ou menos apelativos que encontra a essência para a sua arte mesmo sem saber que, de alguma forma, se deixa transparecer a ela própria, age apenas por instinto...
E, graças à irreverência das suas fotografias, encontra-se agora no pico da sua carreira e com uma estrutura financeira estável que lhe permite viver de forma desafogada fazendo o que gosta e na companhia de quem gosta, os seus bons amigos. Mas eis que um dia, numa saída não premeditada, esta sente desconfortável no local escolhido e pede aos amigos para se retirar e, é então que quando se começa a dirigir para casa que assiste a algo que nem em pesadelos julgava possível e que mudará a sua forma de ver o mundo para sempre.
Presenciando um homicídio brutal, que a racionalidade não consegue explicar e com as autoridades desacreditadas na sua palavra a nossa jovem caí em desespero. Mas no meio da escuridão algo a observou e mudará o seu fado, Lucan, um homem estranho e misterioso que acende em si uma chama desmedida que a enlouquece tanto como o medo que sente por aquilo que não consegue explicar.
Desvendando uma nova realidade Gabrielle vai deparar-se com riscos e prazeres que puderam por em perigo não só a sua vida como a dos seus amigos que tanto estima encaminhando-a para um destino onde conhecerá uma fome avassaladora, uma paixão que nunca fica saciada, uma sede eterna de amor e desejo sem fim.

Esta foi sem dúvida uma história que me despertou bastante a curiosidade logo de inicio não só pela sua capa, que é lindíssima, mas pela sua apelativa sinopse que deixava entrever um romance eloquente com a fantasia presente.

Lara Adrian permeia os leitores com uma narrativa sedutora e perigosa. Com veios de mistério, suspense, acção e erotismo somos levados para um novo mundo repleto de segredos obscuros e personagens fascinantes. A sua escrita embora não seja demasiado floreada consegue transpor a elegância merecida ao romance e a partir do momento em que nos deixamos envolver por Gabrielle e Lucan torna-se difícil não nos sentirmos enredados na sua história.

Em suma, com pequenos pormenores aliciantes e uma trama bem consolidada a autora consegue atrair para si o leitor e tenho a certeza que serão muitos os que ficaram fãs da sua obscura e sedutora série O Beijo da Meia-Noite.
Como já tem vindo a ser recorrente a Quinta Essência não desilude e esta preciosidade faz-se acompanhar com extras, como por exemplo como uma carta de Lara Adrian para os leitores portugueses, bem como um brinde com o símbolo das Companheiras de Raça, humanas com características muito especiais que vou deixar para vocês o prazer de as descobrir…

Por ora, a Quinta Essência deixa já antever que poderemos voltar a reler Lara Adrian para breve com um pequeno excerto do próximo livro incluído no final da leitura. Esta é sem dúvida uma autora que ficará entre as minhas eleitas para o género que representa e para já todos vós puderam desfrutar desta narrativa já a partir do dia 26 Janeiro, data da sua publicação. Recomendo.


Título: O Beijo da Meia-Noite
Autor/a: Lara Adrian
Género: Romance, Fantasia.
Editora: Quinta Essência
terça-feira, 18 de janeiro de 2011
O PARADOXO SEXUAL
Rapazes traquinas, raparigas dotadas e a verdadeira diferença entre os sexos.

368 páginas
PVP: 24,40€
Tradução de José Luís Luna
Disponível a 22 de Janeiro

Sinopse:
"Após quatro décadas de erradicação das barreiras sexuais a nível laboral e social, por que razão continuam os homens a dominar os cargos de topo, políticos, administrativos… além de serem mais bem pagos pelas mesmas funções? Fundamentada na sua observância, Susan Pinker explica por que as diferenças se mantêm, comparando as vidas de rapazes frágeis e raparigas prometedoras.
A autora deita por terra os estigmas: os sexos são biologicamente equivalentes; os mais inteligentes têm sempre êxito; homens e mulheres têm idênticas metas. Argumenta também que o homem e a mulher não são clones e que o domínio masculino deve-se apenas a uma sociedade que continua a ser machista, sobretudo quando os homens descobriram que as mulheres são mais inteligentes e combativas e se começaram a sentir ameaçados."

- Seis meses no top da Montreal Gazette Bestseller List (Canadá)
- Um dos livros do ano de 2009 para o El País e escolha do editor do The New York Times
- Traduzido em mais de 20 línguas e vencedor de dezenas de prémios.
- Escolhido como um dos melhores livros já avaliados pelo Evening Standard.
- Vencedor do mais prestigiado prémio literário (William James Award) da Associação Americana de Psicologia.

Sobre a autora:

Susan Pinker é psicóloga do desenvolvimento cognitivo e jornalista premiada, que escreve sobre Psicologia e Ciências Sociais para o The Globe and Mail.
Exerceu psicologia clínica mais de vinte e cinco anos e é professora no Departamento de Educação e Psicologia da McGill Counselling University.
Vive em Montreal com o marido e três filhos.
Para mais informações sobre a autora, pode consultar a sua página oficial: www.susanpinker.com
A Gailivro apresentou hoje a capa magnifica de "Cinzas" e a sinopse do 3º livro da série "Laços de Sangue", já sabem que sou fã, uma novidade a não perder da Colecção 1001 Mundos!

Sinopse:
"Ser vampiro é uma questão de vida ou de morte.
Jennifer Armintrout apresenta-nos um novo livro: Cinzas e tal como acontece em A Iniciação e A Possessão o universo que ela criou é bem diferente de tudo aquilo a que estamos habituados. Aqui, os vampiros não podem apanhar Sol e a água benta e as estacas matam-nos. As personagens são na sua totalidade muito misteriosas com vidas anteriores cheias de sofrimento. Quando um vampiro decide iniciar um humano, é necessária uma troca de sangue e isso cria um laço de sangue entre eles. O iniciado com o sangue do seu progenitor nas veias sente-se forçado a velar e a proteger o seu progenitor. Normalmente, são criaturas belas e com poderes superiores aos dos humanos. O Devorador de Almas que é uma das personagens mais misteriosas e poderosas deste romance, decide que Nathan, seu iniciado, fique possuído pelo Mal e Cyrus, também seu iniciado, depois de ser morto por Carrie, ressuscite e se torne humano, sofrendo na pele todas as angústias a que o ser humano está sujeito…
Agora o perigo iminente surge no momento em que o Oráculo é libertado, correndo o risco de transformar o mundo num antro de vampiros e transformar o Devorador de Almas num deus maligno."
Sinopse:
Callun Ormond foi avisado.
Ele tem 365 dias.
A contagem decrescente começou…
Na véspera de Ano Novo, Cal é seguido por um homem estranho que lhe deixa um alerta: «Mataram o teu pai. Vão matar-te. Tens de sobreviver os próximos 365 dias!»
Forçado a uma vida em fuga e com a cabeça a prémio, o fugitivo de 15 anos vê-se sozinho, sem ter quem o ajude. Perseguido pela lei e por criminosos implacáveis, Cal tem de descobrir a verdade sobre a misteriosa morte do seu pai e um segredo capaz de mudar o rumo da História. A quem pode ele recorrer?
Em quem pode ele confiar quando parece que o mundo inteiro o quer ver morto?
O relógio não pára… Cada segundo pode ser o último…”

Este pequeno livro é realmente uma grande surpresa. Repleto de acção, proporciona ao leitor181 páginas em contagem decrescente de cortar a respiração!

Como é dado a entender pela sinopse, esta história oferece ao leitor a possibilidade de acompanhar a imensa reviravolta que ocorre na vida de Cal, transformando-a numa turbulenta luta pela sua sobrevivência.
Callun é um jovem banal com quinze anos, que perdeu o pai faz poucos meses. Aprendendo a lidar com esta nova realidade prepara-se para entrar no novo ano de forma agridoce, apoiando-se e apoiando o que resta da sua estrutura familiar, a mãe e a sua irmãzinha que tento adora.
No entanto, meses antes de morrer o pai de Cal começou a agir de forma estranha, pedindo-lhe que guarda-se um desenho em segredo e dizendo-lhe que contaria o mistério desse segredo, que poderia mudar as suas vidas, quando regressa-se da viagem em que se encontrava. Infelizmente quando Tom regressou já não vinha com plenas faculdades e agora, após a sua morte, vários os acontecimentos estranhos tem vindo a suceder abruptamente e Cal vê-se perdido entre enigmas e acontecimentos que colocam não só a sua vida em risco mas também de todos aqueles que ama…

Numa narrativa misteriosa, recheada de acção onde todos os segundos contam este será, sem dúvida, um virar de páginas constante que surpreenderá o leitor.
O ritmo é alucinante e a apresentação da história prima pela diferença. Sem capítulos, acompanhamos o passar dos 31 dias de Janeiro da vida de Cal separados por horas em que desesperamos em conjunto com o nosso personagem.

Grabrielle Lord presenteia-nos com uma escrita muito apelativa e acessível, expondo a sua história de uma forma que é impossível não entusiasmar quem lê estes seus 12 livros. Este será sem dúvida um ano emocionantemente perigoso na vida de Cal que não vos deixará indiferentes durante todo o ano.
Com um final que me deixou o coração apertado, esta é uma história que me fará contar todos os segundos, ao longo de todas as horas no decorrer dos próximos dias para poder agarrar o próximo volume “Conspiração 365 – Fevereiro”.

Não deixem de acompanhar todas as novidades sobre esta série surpreendente em:


Uma grande aposta da Contraponto que para já recomendo vivamente. Um livro juvenil irá agradar também a graúdos e que será publicado já no próximo dia 21 de Janeiro! Não percam!

Titulo: Conspiração 365 - Janeiro
Autor/a: Gabrielle Lord
Género: Policial
Editora: Contraponto
domingo, 16 de janeiro de 2011
Sinopse:
Uma grande mudança social está afectar toda a humanidade. Os vampiros acabaram de ser reconhecidos como cidadãos. Após a criação em laboratório, de um sangue sintético comercializável e inofensivo, eles deixaram de ter que se alimentar de sangue humano. Mas o novo direito de cidadania traz muitas outras mudanças…

Traída pelo seu namorado vampiro de longa data, Sookie Stackause, empregada de bar no Lousiana, vê-se obrigada não apenas a lidar com um possível novo homem na sua vida (Quinn, um atraente metamorfo muito atraente), mas também com uma cimeira de vampiros há muito agendada. Com o seu poder enfraquecido pelos estragos do furacão em Nova Orleães, a rainha dos vampiros locais encontra-se em posição vulnerável perante todos aqueles que anseiam roubar o seu poder. Sookie vê-se obrigada a decidir de que lado ficará. E a sua escolha poderá significar a diferença entre a sobrevivência e a catástrofe completa…"

Só eu sei as saudades que tinha da saga Sangue Fresco (Resumo Aqui!), da inconfundível escrita de Charlaine Harris e das mirabolantes aventuras da heroína Stackause. Não sei como aguentei esperar tanto para ler “Sangue Felino”, mas foi um feliz reencontro que me deixou com a enorme sensação de satisfação.

Neste sétimo volume da série encontramos uma Sookie que tem vindo a amadurecer não só por todos os perigos digeridos mas também pelos seus constantes dilemas sentimentais.
Com o avançar da saga o risco foi crescendo de forma proporcional e neste sétimo livro Sookie ver-se-á hospedada na boca do lobo (mais propriamente das sanguessugas), ou seja num hotel para vampiros, onde decorre uma cimeira na qual será julgada a “sua” rainha. Do resultado da cimeira e do julgamento, onde a Sookie é fundamental como testemunha, depende não só a vida da rainha enquanto réu, mas também de todos os envolvidos nesta crise política.
Mas como não podia faltar existe ainda o novo romance da nossa protagonista, o metamorfo Quinn, capaz de retirar o folgo enquanto humano ou animal e do qual a Sookie ainda sabe muito pouco.
Sookie sabia que não seria fácil aquilo a que se proponha só não esperava que pudesse ser tão difícil… Quando nos encontramos numa sala onde todos podem ouvir a batida do nosso coração não é difícil que o façam parar definitivamente.

Numa aventura de cortar a respiração, uma das maiores escritoras de fantasia urbana dos nossos tempos vem mais uma vez surpreender o leitor com uma escrita repleta de humor, algum romance e uma boa dose de suspense, dando uso ao cliché, capaz de nos deixar sem pinga de sangue!
Para mim foi uma leitura extremamente divertida e mais uma vez fiquei presa a Charlaine Harris até terminar a narrativa, altamente viciante, a sua escrita continua simples e acessível, sem se tornar vulgar, adaptando-se a todas as idades!
Sem momentos mortos posso dizer que a leitura ganha animo logo nas primeiras páginas, momento em que Sookie enceta a viagem para a cimeira e a emoção acresce, mas são tantas as questões que atabalhoam a vida da nossa protagonista que é difícil definir o momento em que a história me conquistou o interesse, mas arrisco-me como tento sido logo na primeira página.

Para mim Charlaine Harris é uma escritora de eleição e uma leitura obrigatória. Felizmente a Saída de Emergência não desilude e no próximo dia 21 Janeiro poderei já contar com o oitavo volume desta série, Laços de Sangue, uma aquisição obrigatória! Recomendo!

Título: Sangue Felino
Autor/a: Charlaine Harris
Género: Fantasia Urbana, Romance.
Editora: Saída de Emergência
As novidades de Janeiro não param e a Contraponto não excepção!
Uma das suas grandes apostas que me está a suscitar grande curiosidade é série Conspiração 365.

Serão lançados 12 livros, um dedicado a cada mês, onde acompanhamos a aventura de Cal durante um ano em que terá de lutar pela sua sobrevivência.

Sinopse:
Na véspera de Ano Novo, Cal é seguido por um estranho homem que lhe deixa um alerta: “Mataram o teu pai. Vão matar-te. Tens de sobreviver nos próximos 365 dias!”
Forçado a uma vida em fuga e com a cabeça a prémio, o fugitivo de 15 anos vê-se sozinho, sem ter quem o ajude. Perseguido pela Lei e por criminosos impiedosos, Cal tem de descobrir a verdade sobre a misteriosa morte do seu pai e um segredo capaz de mudar o rumo da História. A quem pode ele recorrer? Em quem pode ele confiar quando parece que o mundo inteiro o quer ver morto?
O relógio não pára. Cada segundo pode ser o último da sua vida.

O Booktriler oficial:


Para mais informações não deixem de acompanhar o blogue oficial: http://conspiracao365.blogspot.com/
AURORA NEGRA - O MUNDO DA NOITE - V
O regresso da autora de Crónicas Vampíricas, L.J.Smith

O Mundo da Noite não é um lugar. Ele está à nossa volta. As criaturas do Mundo da Noite são belas, fatais e irresistíveis para os humanos. O teu melhor amigo pode ser uma delas – e a pessoa de quem gostas também.
As leis dos Noite do Mundo são muito claras: os humanos não devem saber nunca que o Mundo da Noite existe. E os membros do Mundo da Noite nunca deverão apaixonar-se por humanos. Viola as leis e as consequências serão terríveis.
Estas são histórias sobre o que acontece quando as regras são quebradas.

264 páginas
PVP: 14,40€
Tradução de Jorge Colaço
Disponível a 22 de Janeiro

Sinopse:
Maggie é o retrato de uma adolescente comum. No entanto, quando a namorada do irmão irrompe pela casa uma noite informando que ele morrera num acidente de alpinismo, ela sente que não é verdade. Não conformada Maggie resolve investigar e depara-se com um antigo reino do Mundo da Noite, quando tenta resgatar o irmão que afinal fora raptado por uma bruxa. Na tentativa de fuga descobre uma comunidade de escravos humanos governados por vampiros numa montanha. Devido às roupas modernas que usa os outros escravos recebem-na como um messias que os irá conduzir à liberdade. Mas também conhece Delos, o príncipe vampiro deste reino, que descobre ser a sua alma gémea. Hunter Redfern o pai de Delos parece controlar a situação e decide que a única forma de salvar Maggie é transformá-la num vampiro mesmo contra a sua vontade.

Sobre a autora:
Lisa Jane Smith, cujas obras são uma combinação de género de terror, ficção científica, fantasia e romance, obteve o reconhecimento do público com a série Crónicas Vampíricas, cujo primeiro volume é Despertar. Publicado nos anos de 1990 e convertido numa referência da literatura juvenil de terror, retoma o clássico tema da luta entre Luz e Sombra, dos seus adorados C. S. Lewis e J. R. R. Tolkien.
Segundo palavras da autora, «queria escrever livros como os deles, onde o Bem enfrenta o Mal e vence. Queria ser Frodo, morto de medo em Mordor, consciente de que o Mal que enfrenta é muito maior e mais poderoso do que ele, e ainda assim é capaz de reunir a coragem necessária para tentar e chegar a ser um herói. Queria transmitir aos jovens que não devem renunciar à esperança
L.J. Smith já escreveu mais de duas dezenas de livros para crianças e adultos.
Para mais informações sobre a autora e as suas obras, por favor consulte:
quinta-feira, 13 de janeiro de 2011


Se gostaram do livro “O Beijo dos Elfos” não puderam perder a continuação da tetralogia de Aprilynne Pike.
Aqui fica a capa de “Feitiços”, lindíssima! O lançamento desta novidade será em Março.
Sinopse:
A Fantasia urbana tem uma nova heroína: Mercy Thompso.
Ela é forte e independente, mas num mundo repleto de perigos , será isso suficiente?
Mercy Thompson é uma talentosa mecânica de automóveis que vive na zona de Washington. Mas ela é muito mais do que isso: também é uma metamorfa com o poder de se transformar num coiote. Como se não chegasse, o seu vizinho é um lobisomem, o seu antigo patrão um gremlin, e neste momento está a reparar a carrinha de um vampiro. Este é o mundo de Mercy Thompson, um que parece igualzinho ao nosso, mas cujas sombras estão repletas de estranhas e perigosas criaturas da noite. E se até agora Mercy sempre viveu bem nesse mundo, aproxima-se o dia em que a sua preocupação vai ser apenas sobreviver…”


Este foi um daqueles livros que me soube surpreender de forma constante ao longo de toda narrativa. Confesso que até começar a desfolha-lo não foi um amor á primeira vista, mas não se ama com os olhos e as paixões fulminantes, regra geral, não são eternas. Fiquei rendida a Patricia Briggs e só me arrependo de não o ter lido antes!

Nesta história somos conduzidos por Mercedes, Mercy, uma mecânica dona de um VW rabbit, que sabendo que o mundo é mais do que aquilo que aparenta ser para os humanos está longe de descobrir até que ponto pode ser perigoso.

Mercy foi criada por lobisomens, e posteriormente por humanos e nos dias de hoje trabalha como humana tirando proveito do facto de metamorfa. Confuso? Nem por sombras!
Como coiote está habituada a todo o mundo sobrenatural e tendo em conta que tem um vizinho Alfa, um cliente vampiro e um ex-patrão feérico, tenta manter o máximo de estabilidade e equilíbrio possível na sua oficina trabalhando igualmente para humanos e seres sobrenaturais.
Mas Mercy está longe de adivinhar o que um novo empregado e inesperado lhe poderá trazer, e ao conhecer Mac, a realidade como a conhecia será posta em causa e nem a sua modesta força e atributos serão suficientes para adivinhar o que o futuro lhe reserva. Mac é jovem e trás consigo uma história com precedentes que irá por aprova todos os conceitos de risco até agora testados por Mercy, numa luta contra o tempo, em que todo o seu universo será posto em causa e os poucos que estima correram perigos inimagináveis.

Adorei o enredo criado pela autora, com uma pequena nuance de romance, estamos perante uma história madura e complexa repleta de acção e mistérios, que com um imenso potencial ainda com muito por desenvolver nos próximos livros, prima por inúmeros pormenores que não deixaram de surpreender o leitor.
Quanto à escrita é muito intensa e adulta, com o ritmo da narrativa a desenvolver-se de forma constante e viciante. Patricia Briggs soube muito bem equilibrar um humor muito característico com diálogos maduros e uma coisa vos garanto, quando derem por ela já terão terminado a leitura e ficaram cheios de vontade de saber mais.

Por fim tenho ainda de dar os parabéns à editora que nas últimas páginas surpreende o leitor com um entrevista a Patricia Briggs que nos ajuda a compreender onde a autora vai buscar tanta imaginação para nos premiar com uma história tão inspiradora.

Eu pessoalmente mal posso esperar para desfolhar esta fantasia urbana que conta já com a continuação em Vinculo de Sangue” que irá ser publicado ainda este mês pela Saída de Emergência. Gostei muito e recomendo!

Título: O Apelo da Lua
Autor/a: Patricia Briggs
Género: Fantasia Urbana
Editora: Saída de Emergência

Redes Sociais

*Editorial Presença*

*Editorial Presença*
Passatempo - Até 23 de Junho!

Editorial Presença*

Editorial Presença*
Passatempo - Resultado em breve!

*Passatempo*

*Passatempo*
Resultado!

2017 Reading Challenge

Elphaba J has read 0 books toward her goal of 50 books.
hide